Informativo

Desenvolvimento Sustentável, O Papel da Mídia, Legislação e Governo

Nova plataforma repete técnicas de marketing para vender sustentabilidade Envie para um amigoImprimir

O discurso da sustentabilidade está ganhando roupagem nova, moldada pelo marketing, com palavras claras, mensagens “empoderadoras” e linguagem inclusiva. O objetivo é “vender sonhos, não pesadelos” e motivar a mudança na direção de um futuro mais sustentável, baseado em tecnologias e soluções já disponíveis. Esse futuro tem nome – Sustainia – e poderá ser experimentado virtualmente a partir de junho.

A plataforma Sustainia foi lançada no início de março deve estar pronta para a Rio+20, que ocorre de 20 a 22 de junho com o tema “o futuro que queremos”. O objetivo é usar imagens e espaços virtuais para permitir que as pessoas imaginem como será esse futuro.

“Sustainia cria um novo tom na comunicação sobre sustentabilidade”, diz o website da iniciativa. “Em vez de representar um futuro de sacrifícios e limites, Sustainia nos mostra como soluções sustentáveis podem contribuir para melhorar de forma real a vida das pessoas”.

Por trás da iniciativa estão 20 empresas e organizações globais, que angariaram o apoio do Global Compact das Nações Unidas e de nomes como o ex-governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, a ex-primeira ministra da Noruega, Gro Bruntland, e a comissária para a ação climática da União Europeia, Connie Hedegaard.

Sustainia envolve a publicação de livros, a concessão de prêmios para as melhores soluções sustentáveis – o Sustainia Award – e a construção do modelo virtual, usando a tecnologia do Second Life.

O livro Guide to Sustainia, publicado no ano passado, explica a lógica que inspira a iniciativa. “Os marqueteiros sabem que assustar ou deprimir seu público simplesmente não é bom para os negócios. O objetivo da comunicação da maioria das empresas é simples: vender. As empresas vendem um produto. Um serviço. Preste atenção e veja que é provável que estejam vendendo um modo de vida. (…) Sustainia é um modo de vida. Um modo de vida com mais qualidade de vida. E nós comunicamos sobre Sustainia como marqueteiros profissionais comunicam sobre seus produtos: um modo de vida desejável e luxuoso sem o qual você não pode viver”.

O livro explica como cidades, residências, sistemas de energia e transporte poderiam ser em 2020 com a adoção de tecnologias e soluções sustentáveis. Durante a Rio +20, será lançada a iniciativa Sustainia 100, que elencará as 100 melhores soluções para a sustentabilidade. Tais soluções serão acrescidas ao modelo virtual em desenvolvimento e a novas edições do livro.

O website e os materiais promocionais de Sustainia não detalham qual é a visão de sustentabilidade por trás do modo de vida que vendem. Connie Hedegaard, durante o lançamento da iniciativa no início de março, entretanto, deu uma pista.

“Se investirmos um pouco mais em uma sociedade mais eficiente em recursos e energia, podemos criar empregos, empregos que precisamos no momento na Europa e que não podemos mandar para a China”, disse. “Trata-se de como vamos criar o crescimento do futuro … não é um futuro cinza e preto, ao contrário, é colorido, interessante, inteligente”.

O que você acha da abordagem de Sustainia? Uma boa dose de otimismo e técnicas de marketing podem ajudar a promover as mudanças que a economia global precisa fazer para caber nos limites da natureza?

(Por Flávia Pardini, Página 22, 30/03/2012)

« Voltar

BuscaBusca

Conheça nossos parceirosParceiros

BuscaTags